quinta-feira, 8 de julho de 2021

Nova Geração Pedra Mua.

Esta é a nova geração Pedra Mua, com 7 semanas a demonstrarem já as suas aptidões e estilo felino em mostras à pena.

Esta é a primeira ninhada de filhos do Tr. Ch. IT GB Joost do Rio Paraná, nascidos em nossa casa, as expectativas são muitas, veremos o que o futuro nos reserva.

Clique para ver o Pedigree

quinta-feira, 10 de junho de 2021

Botas há muitas, mas a escolha está feita!

Quando se fazem 15, 20 ou mais km por jornada a caçar às Galinholas, em terrenos duros e bastante dobrados, a escolha de umas botas nem sempre é fácil, nem muito menos consensual, seja pela cada vez maior oferta do mercado, seja pelo preço, qualidade, garantia ou conforto. 
Hoje testei as Fitweel Jek, com calor, muito calor em terrenos rijos e fiquei bastante surpreendido, são leves, apenas 700gr, o que as torna muito confortáveis, a forma como são construídas, com vários reforços ajuda muito na sua afamada durabilidade e o desenho da sua sola Vibram não me faz torcer os pés, o que acontece com outras que já experimentei.

Uma construção italiana, 100% manual com 4 camadas de membrana Event, torna-as respiráveis, mas ao mesmo tempo completamente impermeáveis e resistentes à abrasão, derivado também ao seu revestimento de PU (poliuretano).

Quanto ao preço, estão dentro do preço de umas botas da mesma gama de outras marcas, até abaixo em alguns casos, 230€, não me parece exagerado, se pensarmos no conforto e sobre tudo, se percebermos que bem cuidadas, umas botas destas duram 10 ou mais épocas, será então um investimento que se dilui no tempo.

Em suma, estão escolhidas as companheiras dos meus pés, para as duras jornadas de caça que se avizinham, nas próximas épocas as Fitweel Jek, farão seguramente parte do meu equipamento de caça, porque não há nada pior, que umas botas desconfortáveis. 

domingo, 6 de junho de 2021

Vencemos também em Beleza.

Inserido no 4º aniversário do Clube Português de Cães de Parar Britânicos, disputou-se a 35ª Monográfica do Pointer e a 16ª Monográfica do Setter, onde participámos nesta última com 2 exemplares, foram eles, Qapone da Pedra Mua e Outono de Pasarin.



Qapone da Pedra Mua, venceu em Juniores com um 1º MB

Outono de Pasarin, venceu em Classe Aberta, com um 1º EXC

Estes resultados demonstram o que temos vindo a afirmar, que a morfologia não pode nem deve ser dissociada das restantes qualidades venatórias de um cão de caça, parabéns a todos os participantes e à organização por mais um evento de sucesso, onde se viram excelentes exemplares das raças.


sexta-feira, 4 de junho de 2021

Aproveitámos o feriado.

Aproveitámos mais um feriado para treinar, muito cedo para soltarmos os cães ainda pela fresca, antes do Sol aquecer demasiado.
O Vento que se fazia sentir deu-nos uma ajuda importante, desta vez levámos  3 gerações destintas Pedra Mua, Qapone da Pedra Mua (Don VV x Noche du Val de Ronceveaux), Naja da Pedra Mua (Leioandi Ciro x Iris de la Vallée du Pairon), Paris da Pedra Mua (Gadjet du Gourg D’enfer x Lys de la Vallée du Pairon).
Uma manhã proveitosa, onde o treino correu muito bem com todos os exemplares que levámos, há dias assim, onde tudo corre conforme planeado, dos mais velhos aos mais novos.




Joost du Rio Parana

   

domingo, 30 de maio de 2021

O Calor aperta.

Mais um manhã de treino, desta vez bem cedo, pois o Sol já se faz sentir e o calor já aperta, apesar disso foi um treino muito proveitoso, onde todos os cães estiveram em bom nível, acabou por ser uma saida muito proveitosa, onde os exemplares que estamos a introduzir o beeper estiveram muito bem e sem qualquer problema.
Hoje com o seguintes exemplares: Tracy del Zagnis; Noche du val de Ronceveaux; Paris da Pedra Mua, Joost du Rio Parana, Naja da Pedra Mua e Outono de Pasarin.





quinta-feira, 13 de maio de 2021

Treinos de Primavera.

Mais um dia de treino, com o Qapone, o Joost e o Outono, bom vento que ajuda sempre e um tempo adequado para treinar, os cães estiveram muito bem, de salientar a velocidade do Qapone, cada vez se apoia melhor no vento, o que melhora muito os percursos e os lindissimos pontos do Joost, que nos fazem arrepiar os pelos.
O Outono já trabalha de beeper sem qualquer problema, o que nos facilitará muito durante a caça.

Joost do Rio Parana

Qapone da Pedra Mua

segunda-feira, 12 de abril de 2021

Provas de Primavera CPCPB

QAPONE DA PEDRA MUA

Made in Portugal.

Com consciência das qualidades do Qapone, mas desprovidos de qualquer pretensão de resultados, até porque é apenas um cachorro de 13 meses e não há que acrescentar pressão, decidimos os 3, eu, o meu irmão e o Pedro, ir contra todas as expectativas e apresentá-lo em Juniores nas provas de Primavera do CPCPB, com apenas 2 semanas para o Pedro o trabalhar, sabíamos que era ambicioso, mas no fundo foi o Qapone a provar que estávamos certos, apresentado 3 dias e classificando-se 3 vezes fazendo o pleno com um 2ºMB, 1ºMB e 3ºEXC respetivamente, foi sempre em crescendo, com palavras de apreço e incentivo por parte dos juizes.

Um exemplar com boa morfologia, boa mecânica, bom movimento, muito encontrador e com excelente caráter, capaz de aguentar estas exigentes lides do mundo das provas, vemos nele muito mais que um Cão de caça, vemos nele um futuro promissor na competição, façamos agora o caminho correto.

Obrigado Pedro, pelo trabalho, pelos resultados e por também tu acreditares no Qapone e no projeto Pedra Mua.

quinta-feira, 8 de abril de 2021

Qapone da Pedra Mua

08-04-2021
Primeiro dia das provas de Primavera do CPCPB, Qapone da Pedra Mua primeira apresentação em Juniores, primeiro resultado com apenas 13 meses, 2º MB.

Com pouco mais de 15 dias de preparação, estamos muito satisfeitos com a sua prestação, assim como a do seu condutor, Pedro Alvelos, agora o caminho é em frente.




09-04-2021

Segundo dia de provas, segunda apresentação, segundo resultado para o Qapone da Pedra Mua, 1MB, felizes por ele e contentes com o trabalho do Pedro Alvelos.




10-04-2021

Terceiro dia de provas, terceira apresentação, terceiro resultado para o Qapone da Pedra Mua, 3EXC, muito contentes com a sua prestação, como pelas palavras animadoras dos Juízes.



quarta-feira, 31 de março de 2021

Outono de Pasarin

E assim fechamos a época de contratações de 2021, com a incorporação de um exemplar que nos apaixonou desde a primeira vez que o vimos no campo, este será um exemplar que fará parte da nossa equipa e, devido as suas qualidades naturais, paixão, estilo e morfologia será também um futuro reprodutor do canil.
Uma genética interessante e uma mecânica muito boa, equilibrado de carater como gostamos dos nossos Setters, terá agora vários meses de treino pela frente, de forma a estar à altura das nossas exigências, para que na próxima época seja mais um membro ativo da nossa equipa.

segunda-feira, 29 de março de 2021

Bons Cães não se fazem sozinhos!

Ainda sem saber como será a próxima época, trabalhamos os cães como se estivesse já aí há porta, os bons cães não se fazem sozinhos, requerem dedicação e muito trabalho.

Com cães novos o trabalho é sempre a dobrar, temos de lhes dar oportunidades, temos de lhes dar o máximo de campo possível, temos de criar uma química, uma cumplicidade que só se consegue com muitas horas de campo em conjunto, de forma a trabalharmos como uma equipa, tem de haver um entendimento mutuo e só assim as coisas funcionam.

São estas oportunidades que lhes estamos a dar, fomentar a paixão e desenvolver esta cumplicidade, que dará os seus frutos na próxima época de caça, trabalho que não se vê depois, trabalho que passa despercebido há maioria dos caçadores, veêm e admiram os cães e os filmes, alheios ao trabalho que está por detrás de um bom cão.

sábado, 20 de março de 2021

Voltamos aos treinos.

Mais uma manhã de treinos, muito vento e frio apesar de estar um belo dia de sol, desta vez treinámos com os três Pedra Mua, Qapone, Paris e Naja, bem como com o Joost do Rio Parana, Outono de Pasarin, Pintas da Brisa do Douro e alguns bons Pointer’s que o Pedro levou também para treinar.
Alguns belos percursos que alegraram a manhã, bons andamentos e mostras espectaculares, especialmente do Joost, que dia para dia vai subindo de forma e mostrando do que é capaz.