terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Os Segredos da Bela Dama.


Dans le secret d'une Reine - la vie de la Bécasse des bois
Enviado por lynceeprod. - Assista vídeos de animais engraçados.

8 comentários:

Pedro Alvelos disse...

Deixe-me por favor compartilhar no seu blog uma boa experiencia que tive....
Comecei este ano a dedicar-me de corpo e alma não a caçar mas a saber desfrutar de cada momento que esta caça proporciona.
Entã dia 19 de Dezembro foi a minha primeira experiencia de campo desta caça.... E lá fui mais a minha cadela Karpa(braco alemão de 2anos e meio)ela também para a sua primeira experiencia de galinholas,e como é habito a caçar insansemente,andei durante umas duas horas e nada mas como não sou de desistir facilmente continuei a minha tentativa de ver algum pássaro.
Pelo meio uma paragem para conversar com outro caçador que por ali andava, a conversa é a da praxe e ele disse que ja tinha visto duas,feitas as despedidas nem dez metros andados e tenho a Karpa "parada" o coração quase que salta do peito e penso... uma galinhola.... e nesse instante PA PA PA .... lá vai ela acreditem ou não eu não tive qualquer tipo de reação nem um tiro..Dois levantes e nada nem um tiro... bom nesse dia vi quatro.
Claro que nunca pensei isso pois a cadela era a primeira vez que caçava galinholas.
Mas na Quinta feira lá estava eu e mais duas paragens e nem um tiro só as via voar....
outro dia de caça e mais 3 uma errada e duas sem tiros.....ATÈ QUE... Na minha reserva ouvi falar que tinham visto uma galinholas por lá e lá fui eu procurar o primeiro lance conpleto e perfeito.
Depois de 3 horas no meio de Eucaliptos sem um unico sinal de galinholas entro num pinhal nao muito fechado até bastante aberto apenas com uns TOJOS mas nada de grande deixo de ouvir o Guizo da Karpa ... AI ESTÁ ... dou uns passos rapidos para chegar á cadela,ela olha para mim e começa a guia... pára olha e outra guia.... pára olha e outra guia até ficou que nem uma estátua.... e PA PA PA levanta a galinhola e mato ao primeiro tiro estou em extase a Karpa vai cobrar e fica parada mas tinha a certeza que lhe tinha dado,vou ao pé da Karpa e vejo a galinhola no chão ja abatida,a Karpa da um salto e ai está a trazer-me a galinhola um lance perfeito que sinceramente nunca pensei que me ia apaixonar tanto,a minha vontade era dar vida ao passaro novamente para poder repetir,fiquei de tal forma contente e extaseado que me derigi para o carro e não cacei mais nesse dia....... pois tinha tido um lance perfeito e não queria saber de mais nada apenas recordá-lo........

Jorge Silva disse...

Bom dia Pedro,
é com enorme satisfação que publico o seu relato no meu Blog, pois demonstra na sua mais pura essência o que é a caça de Galinholas com cão de Parar, as emoções que transmitem, fico contente que tenha sentido pela primeira vez as sensações por mim vividas e que tento aqui por palavras relatar, estou seguro que agora entende melhor aquilo que eu escrevo!
bons lances e cuidado que isto vicia.

abraço e bom 2011

Pedro Alvelos disse...

Boa noite
Já estou viciado Quinta-feira estou lá outra vez,quanto ao cão já arranjei,agora é só fazer tudo certo tal qual a pessoa em causa me explicou não da caça mas sim do cão.
Não ficava bem dizer de onde veio(penso eu) mas o Sr. conhece bem quem sabe ainda iremos caçar juntos um dia..... e ai já lhe posso revelar,
Grande abraço

Jorge Silva disse...

Boas,
quem sabe se um dia não caçaremos juntos e falamos melhor sobre cães e Galinholas.

abraço

Pedro Alvelos disse...

Amanha é mais um dia de caça, e hoje estou particularmente ansioso,coleira nova (bepeer),colete visivél e uma cadelinha para experimentar....
Só resta ver os passaros...
Abraço

Jorge Silva disse...

Boas,
atenção que muitas vezes os cães desfazem a paragem quando o beeper toca, é necessário habituação prévia.

abraço

Pedro Alvelos disse...

Boas,
Hoje foi um dia que teve de tudo,a começar pela chuva mas isso não tira a vontade e dá mais alento.
Mas caçei só até as 10.30h e vou explicar porque....
Fui caçar numa reserva e eramos 5 achei um exagero mas ok,não queria discução assim ficou decidido entre todos que caçariamos os 5 em linha.
Caçamos um pinhal e nada,até que entramos num eucaliptal e poucos metros depois de entrar a minha cadela(8 meses)começou a caçar muito bem,até que BEEP BEEP,estava parada a galinhola levantou um pouco larga mas dentro de tiro,ponho a espingarda á cara e PUM um tiro que não o meu.......
Então não é que o artista que estava a meu lado matou o passaro que a minha cadela parou....
Claro discução ........ a cadela cobrou a galinhola brincou com ela na boca entretanto vem ter comigo pego no passaro e o outro artista diz ..... É MEU ..... amandei a galinhola a jeito de lhe dar com ela no FOCI...... e vim embora.
Depois racicionei e pensei numa expressão que ele tinha tido a saida do carro em relação ao BEPER ::: a sua cadela tráz telefone ainda bem assim sei quando posso matar alguma :::
Fui pedir o reebolso do dia de caça pela situação e que me foi devolvido com um pedido de desculpas já que o artista é socio da reserva.
Resta dizer que a caminho do carro ainda errei uma pois xateado como ia acho que nem a apontei....
Estamos bem entregues com CROMOS destes.
Abraço

Jorge Silva disse...

Não sou o Zandinga ou a Maya, mas quase que aposto que sei onde foi essa jornada...
Tem dessas coisas, galinholas não se caçam em linha, é uma caça solitária ou para 2 Amigos que se deem bem e, mesmo assim há a tendência natural de nos separar-mos.
Tem cão, paixão e vontade, há que procurar novos terrenos.

abraço