sábado, 10 de janeiro de 2015

Deu para tudo!


A manhã começava fria, com temperaturas de -3º C, nada que inibisse o Don de parar uma Galinhola a não mais de 50 metros do carro eu, ainda frio, completamente enregelado sirvo o cão que, imóvel me indicava que ali estava uma Galinhola, já que nada mais me indicava o quer que fosse, pois o beeper não cantava, tinha-me esquecido de o ligar. A Galinhola sai e encobre-se logo com um sobreiro que é alvejado com 40 gramas de chumbo que não lhe eram destinados. Pouco depois o Don faz agora sim tocar o beeper, creio sem certezas ser a mesma Galinhola, desta vez a sorte sorriu-me a mim, a Galinhola era abatida ao primeiro tiro.
O Don seguia num ritmo alucinante, entra novamente em mostra, faz um trabalho fantástico, a distancia que ele levou o pássaro à frente ou, o pássaro o levou atrás, dependendo da perspectiva, foi surreal, ao ponto de eu já achar que seria uma Lebre e não uma Galinhola, foram cerca de 10 minutos de mostras e guias, passámos caminhos e corta-fogos o que me levava a pensar que não seria uma Galinhola, o Don sempre sem perder o contacto, acabou por bloquear a Galinhola saindo esta muito perto de mim, sendo facilmente abatida.
Depois disto uma outra que nos proporcionou 7 ou 8 levantes, nunca dando hipótese de me chegar a tempo ao cão, vi-a várias vezes mas sempre a sair larguíssima.
O Don longe de mim faz novamente tocar o Beeper, a zona era bonita com estevas altas e pinheirinhos, depois da mostra longa enquanto esperava que eu me acercasse, seguiu-se uma guia lindíssima, até que bloqueia com autoridade esta Galinhola, sendo abatida e cobrada numa zona fechada, era o Cupo para mim, muito cedo ou, demasiado cedo, o Don desconhecedor de cupos, regras, leis ou convicções, continuou a parar Galinholas para meu deleite até chegarmos ao carro, eu, ia-lhes apontando o dedo em vez do cano, sorriso largo via aquilo como um brinde para o Don enquanto a mim servia para me encher ainda mais um Ego que numa manhã fria estava ao rubro e a transbordar.  

Grande Don! Obrigado! 





Sem comentários: