segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Galinholas, Caçar vs Matar.


A crise instalada no país e em especial no sector da caça fez diminuir abruptamente a procura pelas perdizes, quer as bravas quer as mansas, aliado a isto a falta de coelhos este ano, criou as condições para um aumento notório pela caça das Galinholas, a forma de soltarem os cães e caçarem com eles, sejam cães de rasto ou de parar. Infelizmente a falta de cultura cinegética faz com que a caça às Galinholas para alguns não seja mais que números, tiros, ou não mais que um pássaro morto, felizmente que para alguns, poucos, é algo mais, é o trabalho e qualidade do cão, a astucia da ave, a dificuldade do tiro, a beleza dos terrenos, resumindo, a Beleza de um lance com tudo aquilo que o completa.
Caçar Galinholas não é um abate de um pássaro voado do companheiro, não é um pássaro que se levanta aos pés do caçador ou ao cão sem ser parado, não é caçar em linha, isso é matar Galinholas, dessa forma não deixam história, não deixam marca, nem sequer se podem chamar lances, são abates e nada mais! Caçar Galinholas é ver um cão trabalhar um pássaro, vê-lo guiar, bloquear a ave, antevermos a sua fuga, posicionar-mo-nos, aguardarmos nervosos o levante, sermos ludibriados pela astucia da ave, tentarmos de novo, sermos novamente enganados, é tentar uma e outra jornada até que, esta ave mais astuta, um dia depois de mais um belo trabalho do cão finalmente nos sai melhor e é abatida, terminando o lance na boca do nosso cão que, com alegria nos entrega mais que um pássaro, entrega-nos a superação das dificuldades, entrega-nos memorias saborosas que recordaremos por vezes uma vida inteira, entrega-nos um pássaro com História! É este tipo de sentimento que uma galinhola morta de levante, voada do companheiro ou abatida numa linha não transmite, nunca passa de mais um pássaro morto, que no fim da época nem lembramos recordar de tão banal que foi!
Era bom que, todos aqueles que começam nesta nova disciplina percebessem que caçar Galinholas é algo mais que dar tiros, que matar pássaros, é desfrutar dos lances, desfrutar dos cães, superar dificuldades, elaborar estratégias, umas vezes sair vitorioso outras derrotado mas, sempre com a alegria de poder olhar para dentro e sentir-mo-nos Caçadores de Galinholas, pois muitas vezes não desfruta quem mata mais, mas sim quem teve os melhores e verdadeiros lances!

Galinholas são para ser desfrutadas não mortas, uns entendem, outros infelizmente não!

Sem comentários: